'THE ART OF LOSING' - 13|SETEMBRO

QUARTA 13 | SETEMBRO
21h30 | GRANDE AUDITÓRIO
M/12 | 60 MIN | ENTRADA GRATUITA

'THE ART OF LOSING'

COMPANHIA DE DANÇA DE ALMADA

 

Algures a Nordeste logo

 

«The art of losing isn’t hard to master – A arte de perder não é difícil de dominar»


Assim começa um dos mais profundos e melancólicos poemas escritos, em 1976, por Elizabeth Bishop, uma das mais importantes poetisas norte americanas do século XX.
A descrição poética da realidade de se perder algo ou alguém acontece neste poema de Bishop como cicatrizes em alfabeto visível, enfatizando a prática da perda através da sabedoria retirada destes pequenos ou grandes desastres. Cada queda é um ensaio para um qualquer impulso.
Esta ideia de uma habilidade especial para se lidar com a perda convoca uma reflexão sobre a nossa relação com o mundo, com a mutabilidade de tudo e o inevitável. A memória e o corpo são os recipientes das aprendizagens que a perda deixa: o simples gesto, acção, reacção, emoção e toda a capacidade física que o corpo tem em ser compreendido sem uma narrativa óbvia.

 

Conceito e coreografia: São Castro (actualmente directora artística da Companhia Paulo Ribeiro)
Interpretação: Beatriz Rousseau; Bruno Duarte, Joana Puntel, Luís Malaquias, Mariana Romão, Miguel Santos
Figurinos: Nuno Nogueira
Música original: São Castro
Música adicional: ‘Prelude in C minor BWV 999’, J.S. Bach, interpretado por António Cabrita
Desenho de luz: Cláudia Rodrigues
Consultoria artística: António Cabrita 

http://www.cdanca-almada.pt/