'VOZ' – TEATRO DO FRIO com SOPA DE PEDRA | 18/NOV

SEXTA 18 | NOVEMBRO

21h30 | GRANDE AUDITÓRIO

M/12 | 70 MIN. | 5€/3,5€ + CARTÃO DO TEATRO

 
'VOZ'
TEATRO DO FRIO com SOPA DE PEDRA
 
 
Bilhetes:
ticketline 

 

Dramaturgia original entre o concerto e o espectáculo de teatro físico, “Voz” relaciona o canto polifónico e spoken word propondo uma experiência sonora, visual e imersiva, que reúne em palco o Teatro do Frio e as Sopa de Pedra, numa co-produção com o TNSJ. O texto original é uma metamorfose de escritas: da comédia de enganos ao absurdo, da coralidade da tragédia à pop e à tradição oral, reequacionando outras narrativas que urge ecoar, inscrever e inspirar.

“Voz” assume a caixa de palco e seus mecanismos como arena conceptual e metafórica que exponencia o sentido mágico da experiência cinestésica e lúdica. A relação intencional entre a expressividade física e vocal dos intérpretes com a plasticidade da luz e do som aprofunda, na sucessão de estímulos e imagéticas, a experiência física e emocional do espectador. Cada palavra, como cada gesto, será um lugar de encontro e ressonância a partir da imaterialidade da voz.

Lugar de tensão lúdica entre o visível e o invisível, o audível e o inaudível, o dizível e o indizível, o risível e o grotesco, “Voz” explora possibilidades cinestésicas entre visão e audição, estabelecendo conexão vibracional entre corpos e matérias e estimulando a imaginação de quem o experiencia.

 

Direcção artística: Catarina Lacerda

Dramaturgia: Diogo Liberano, Catarina Lacerda

Texto: Diogo Liberano

Composição sonora: Rodrigo Malvar, Filipe Lopes

Composição vocal: Sopa de Pedra

Preparação física e vocal: Anna Zubruscky

Interpretação: Maria Luís Cardoso, Sara Neves, Inês Campos, Daniel Teixeira Pinto, Catarina

Lacerda, Sopa de Pedra

Desenho do espaço cénico: Fernando Almeida

Desenho de luz: Mariana Figueroa

Desenho de som: Quico Serrano

Direcção de produção: Paula Silva

Produção executiva: Marta Lima

Comunicação: Patrícia Barbosa

Produção: Teatro do Frio em co-produção com TNSJ e Teatro Municipal da Guarda e o Teatro Municipal de Vila Real

Tradução: Sarah Adamopoulos

Produção executiva: Rita Faustino

Co-Produção: Arte 33 e Causas Comuns. 

 

Duração aproximada: 70 minutos

Classificação etária: M/12

Bilhetes: 5€/3,5€ + Cartão do Teatro